Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Daily Miacis

RESUMO FEVEREIRO

Alfabeto literário (1).png

Fevereiro foi um mês preguiçoso. Serviu mesmo para a sorna, o descanso. Até porque com uma constipação pelo meio não deu para muito mais. Foi bom por um lado mas por outro foi mau porque me desleixei mais do que devia. Tenho algumas coisas atrasadas como  o bullet journal, e tive preguiça para muitas coisas, como verão mais à frente.

 

Uma dela é pintar/escrever. Não sabem a resistência que tenho com isso. E no entanto tento me inspirar todos os dias, a ver métodos de pintura, de trabalho digital (andei à procura de cursos e tudo), até procuro ideias para fazer de trabalhos manuais. Mas depois custa me. Quero mudar isso, e muito.

Uma coisa é certa: o facto de me sentir motivada, para mim já é um avanço. Há uns meses atrás não pensaria em nada disso porque não tinha esperança, achava que nada me faria feliz e serviria para nada. Agora penso mesmo que sirva para nada ao menos é algo que faço, é algo meu e ninguém mo tira.

 

Foi um mês de descoberta também, como a dieta por muito que faça não emagreço, como da Netflix (sim só descobri agora), como agora já não me incomoda falar de biologia e os casos que tenho ouvido tão perto de mim de pessoal que não arranja mesmo com doutoramento e experiência. Descobri também que tenho uma resiliência dentro de mim, e que quando quero, acorda. Descobri que vou lutar por mudar para algo melhor. E que não perdi a minha ideia de ter um negócio meu e escrever um livro. Cada vez a minha mente está mais povoada por histórias minhas e não minhas histórias a deitar-me abaixo.

 

Acabar de dar os retoques que faltam no escritório (não deixar nada para outro dia) - Ok ainda não está tudo pronto mas mesmo neste mês preguiçoso não foi de todo mau. Tento pelo menos por dia mexer uma caixa do sítio, trocar aquele objeto de local, arrumar esta parte melhor. Assim, por dia, grão a grão, não fica tudo pelo chão.

Planear e desenhar o meu pequeno jardim horticola - Sim! Já comecei a comprar plantas, já tenho outras dadas, e já está remexido o chão. Falta só as plantas maiores que ficarão na parte detrás mas não tive tempo ainda de ir à feira comprar.

Comprar material para a troca/manutenção das suculentas - Não, este ponto passou ao lado mesmo. Espero que este mês tenha um fim de semana livre com sol para tratar das minhas meninas bicudas.

Pintar aguarelas - Não, já voltei a reunir o meu material de pintura. Até comprei outro que me faltava, e começei a rabiscar. Até que, deu a maratona de filmes do Bond, e parei.

Escrever, por amor de deus!- Não, outro que tal, que tenho tudo para começar mas algo sempre me distrai no momento chave.

Voltar às caminhadas pelas aldeia - Fiz algumas! E soube me pela vida. É pena ainda não haver muita hora de sol quando saio do trabalho porque senão saio à hora certinha que é raro o dia em que consigo, não me sobra muito tempo com luz.

Rever metas profissionais - Não foi bem uma revisão, foi mais uma conclusão: não quero continuar nisto. Então já tenho uma lista de locais para concorrer. Quem sabe? O não é sempre garantido e a esse eu já estou habituada.

Descansar - Bem como dito acima, e pela lista das metas não cumpridas deu para ver que estive bem paradinha.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

RESUMO JANEIRO

Alfabeto literário.png

 

Janeiro, trouxeste contigo aquilo que eu andava a querer desde o Verão passado. Finalmente as obras acabaram. Agora já só falta deixar o pó pousar e descansar porque preciso. (quanto é que falta para férias?).

 

Não foste um mês fácil, mas vai daí que nenhum mês o é, nem o Agosto. Fiquei doente graças à vacina da gripe, vi que o meu acne, depois de tudo despistado era só mesmo acne, e portanto estamos a tratar disso agora. A minha força de vontade no que toca à dieta está ferrea. Só é pena a balança não ajudar a dar mais optimismo... A minha carteira ficou mesmo vazia este mês mas tenho um ano para encher.Trouxeste esperança e novas expectativas, e que espero conseguir alcança-las este ano. Vontade não me falta, algumas já entraram em acção, faltam as restantes. E, o melhor de tudo, foi neste tempo final a vontade que me voltou a dar para: pintar. Sim pintar.

 

Comprar móveis e decorar o escritório - Finalmente! Esta meta está por aqui há muito tempo. Estou de rastos bem como a minha carteira, mas está a ficar ao meu jeito.

27605072_2037572269604522_2093739879_o.jpg

Informar-me acerca de tratamentos dermatológicos para o acne - Informei-me mas depois de ter visto que eram um algo agressivo para a cara (e a carteira já tão gasta dela) resolvi mesmo deixar me de coisas, e ir ao dermatologista. Chegamos à conclusão que era mesmo idiopático, e que é normal aos 30 anos as mulheres terem uma crise de acne, mantendo-se entre 5 a 10% delas. Espero não ficar nessa percentagem.

Começar o projeto 365 dias com Poirot e Marple - Sim, e tem corrido às mil maravilhas. Estava com medo de não conseguir manter o ritmo, muito mais com as obras, mas são livros facéis de ler, e rápido. Adoro ler Poirot, aquela maneira extravagante dele encanta-me. Participem também, são boas leituras, com inicio e fim evidentes, acabamos por ficar sempre na dúvida até que no final fica tudo resolvido, todos os pequenos pormenores. É quase como contos, por assim dizer

Re-começar a dieta alimentar para pelo menos não ficar um marshmallow andante - Nada como o inicio do ano para começarmos com o impulso todo. E tenho comido mesmo mesmo. Low carb, não tenho tido deslizes durante a semana  do género só-hoje-que-correu-mal-o-dia. A balança no inicio desceu mas agora já nem tanto. Depois falarei disso.

Acabar a colecção de selos  do Continente para os peluches Star Wars - Já tenho para quase todos. A ver se tenho um a mais para dar ao Chewie.

Se houver neve perto, dar um pulo - Foi o único que não fiz até porque penso que aqui perto não nevou. Que tenha visto não nevou em Castro Laboreiro.

 

A MANIA DAS MANIAS EM JANEIRO: E este fim de semana já vai dar para arrumar'

 

MÚSICA SEM PARA NO YOUTUBE:"Zombie" The Cranberries

 

O QUE ESQUECIA DE JANEIRO: o quão longo este mês consegue ser.

 

O QUE MAIS ME EMPOLGA EM FEVEREIRO: posso dizer o feriado? é que preciso mesmo dele.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

 

 

Ainda sobre o ano passado. Aquele 2017.

2a5d4f4dc5a729296650c68a50fea592.jpg

 

Parece que foi há muito. Entramos na semana que menos gosto do ano. A primeira de Janeiro. A primeira do ano novo. Aquela que tem muita esperança e muita novidade. Mas que para mim é cinzenta. Aquela magia, aquela janela de nostalgia, bondade, corações cheios, amizade, familia, desaparece, e voltamos todos à nossa máscara rezingona que fica um pouco mais amena durante o Verão.

2017. Aquele ano que tenho a sensação, que a maior parte das pessoas não correu como queria mas o que cosneguiu atingir encheu o coração, tenha sido um filho, uma viagem, uma acção pequena do dia-a-dia, qualquer conquista digna de entrar no nosso hall das taças dos campeonatos pessoais.

 

Nos meandros das minhas leituras, consegui ver que a maior parte das pessoas diz que foi um bom fim do ano. E aos poucos fui chegando à conclusão do seguinte: aos poucos acho que estamos todos a perceber que para sermos mesmo felizes, é preciso muito pouco. 

 

2017 não foi o meu ano perfeito. Tinha ideia de chegar ao fim de 2017 com uma conquista boa conseguida a nivel pessoal e a nível profissional. Posso, falando português, dizer que fiquei na cepa torta. Não avancei muito, até posso dizer que andei para trás e tive que caminhar muito para chegar ao ponto onde estava. Mas digo que cheguei bem, feliz ao final do ano. Conclui que a pressa é minha inimiga, que os sonhos são bons mas o que conta mesmo é a viagem, e que temos de estar atentos à nossa volta porque aí é que está o que é nosso, o que é bom e o que nos faz feliz. 

 

E vejo à minha volta, caras cansadas, almas pesadas, e mãos contorcidas da luta, mas vejo olhos cheios de esperança e amor. Sonhos para cumprir e conseguir sem nunca esquecer quem somos.

 

Desejo que em 2018 não deixem de ser vocês mesmo que todos vos contradigam. Sejam TU, eu vou ser SOFIA.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

 

 

RESUMO DEZEMBRO

Alfabeto literário (3).png

Querido Dezembro,

 

Como quase todos os teus irmãos este ano, passas-te a voar.

Passou se tanto, desde jantares, viagens, re-encontros com vários amigos que já não via há muito tempo, muitas boas notícias, muitos planos para 2018, um filme Star Wars que criou polémica, muito presente e muita comida,  e voltar a velhos hábitos.

 

É um mês sem fim, e agora que estás quase a terminar, depois de uma jornada que começou no 1 de planos para o mês inteiro, acabamos em retrospecção, muito cansados, e com esperança de que no próximo ano, dizemos te adeus novamente mas muito felizes.

Dezembro, espero te ansiosamente no próximo ano.

 

METAS:

  • Comprar os móveis e decorar o escritório: passará para 2018 porque, pronto, não há espaço ainda porque a obra ainda não acabou...
  •  Preparar o bullet journal para o próximo ano: as primeiras páginas estão feitas. A que eu gosto mais é a das leituras para 2018. Tanto espaço vazio para ser preenchido, e tantos planos para fazer.
  • Planear as metas do próximo ano (não esquecer a máxima menos é mais): estou a prencher esta meta no momento em que falamos.
  •  Acabar o bordado para decorar o escritório: não houve tempo. Não houve mesmo tempo para pegar em bordados este mês.
  • Re-começar o ginásio (sem medo Sofia): sim! O tempo não foi muito, mas sempre que pude estava lá. O medo desapareceu logo nas primeiras vezes. Nunca me senti mais orgulhosa de mim do que nestes dias.
  • Marcar as férias para o próximo ano: destinos escolhidos só falta marcar datas.
  • Acabar o projeto Christmas in Books 2017: li mais do que tencionava para este projeto. Estou a ficar viciada em maratonas literárias.
  • Fazer um resumo de 2017: in the making!

A MANIA DAS MANIAS EM DEZEMBRO: já é dia 24? já é dia 24?

 

AQUELA MÚSICA SEM PARAR NO YOUTUBE:   Arcade Fire - Everything Now

 

O QUE ESQUECIA DE DEZEMBRO:  o susto que apanhei de madrugada com os gatos a quererem fugir e o fumo na marquise.

 

O QUE MAIS ME EMPOLGA EM JANEIRO: a expectativa de 365 páginas novas e novos planos que quero fazer.

 

Sinceramente,

 

20099812_ua1Qu.png

 


BLOGGER
Sou a Sofia Gonçalves. 29 anos. Curiosa sem fim, exploradora de livros, advogada de boa comida, gestora de estados ansioliticos, caçadora de sonhos, escriba escrava da palavras da minha cabeça, pajem dos meus animais.

thedailymiacis@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


Some blog design Written by Joana

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Copyright © The Daily Miacis