Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Daily Miacis

O café das 5 da Avó Rosa #2

Penso que já falei algures que sou uma fã incondicional da Filipa Gomes. Como não pode? Uma mulher jeitosa, estilosa, com sentido de humor, inteligente, e que sabe cozinhar? Um dia que ela lançe um livro, eu estarei na fila para ela o assinar.

Pouco depois do programa dela começar no 24 Kitchen, que penso que foi dos primeiros diários em Português a passar lá, fiquei colada. E, a minha avó de tanto me ouvir, rendeu-se também à Filipa! Foi à Filipa e ao Jamie Oliver, a mulher até aprendeu com 80 anos alguns termos em inglês à custa do Oliver.

Ela tenta não perder um programa, mesmo que seja repetido. Roda aquela programação como uma louca! E para uma pessoa em que se lhe repete um recado 4 vezes e mesmo assim esquece-se, ela ve aquilo com uma atenção tal, que decora as receitas, durante dias que é um feito na minha opinião.

 

No outro dia estavamos a falar de uma comida que demorava a cozinhar, e a minha avó diz " Eu não entendo, isto nos programas de culinária é tudo muito rápido". Ao qual eu e a minha mãe tentamos, tentamos, explicar que algumas coisas são acelaradas, outras cortadas, muitas adiantadas, e naqueles programas em direto os prato finais já estão feitos. Descobrimos no final que a minha avó acredita que  o programa da Filipa Gomes, "O Prato do dia" é filmado, todos os dias, em direto. Mesmo depois de termos perguntado pela roupa repetida, pelas receitas repetidas, como ela faz o programa exatametne igual, ela não se acreditou que era gravado (mesmo depois de eu ter dito que a Julieta, a filhota dela já estar quase a sair da barriga da mãe, e nos programas ela ainda nem aparecia grávida). E esta hein? Dissemos que um dia vamos pedir à Filipa Gomes para a levar ao programa dela para ela ver como aquilo funcionava. A resposta dela foi que isso queria ela!

37e0e39ff3ab8f83d91b392b0c77289b.jpg

 Sinceramente,

Assinatura.png

 

 

O café das 5 da Avó Rosa #1

A minha avó é uma personagem muito caricata. É a melhor avó que se poderia ter no Mundo, mas tem os seus momentos. As lenga-lengas "do tempo dos meus paizinho" são infinitas e pensei que seria bom por partilhar com o quem lê este cantinho. Porque penso que todos nós temos uma Avó Rosa, que nos levanta o cabelo com os nervos e nos derrete o coração.

 

A primeira peripécia que vou contar desta Avó Rosa, está relacionada com fobias. Das infinitas fobias que ela tem, uma delas é com: cobras. É uma coisa absurda! O medo é tal que um dia a caminhar aqui pela aldeia, numa ponta da estrada pensava que via na outra ponta uma cobra. Fez tanta mas tanta força para focar (e ela parada no mesmo sitio) que deslocou uma parte do olho... Sim voltou ao normal mas era só para mostrar o quão ridicula esta fobia se torna.

Ora bem eu sou tudo o contrário que ela é. Enquanto ela é uma menina do campo que se transformou numa menina da cidade, eu sou uma menina da cidade que com o curso de biologia transformou-se numa menina do campo. Nem sabem as conversas interessantes que se geram quando começa a vir o meu lado de bióloga ao de cima.  Uma delas é quando falamos de cobras. 

As cobras do mundo da avó Rosa, quebram as regras da fisica: elas conseguem subir metros de paredes lisas, elas colocam o rabo na boca e rolam como se fossem rodas, elas tiram a dentadura para beber água ou leite das vacas, e voam! Mas isto não pára nas cobras, existe toda uma panóplia de histórias engraçadas com répteis como o sardão da cabeça vermelha que sobe pelas pernas das mulheres e enfia-se, e só os homens é que com leite conseguem tirar o bicho. Ela não entende que isto é uma metáfora porque toda a gente dizia esta lenga-lenga. Já para não falar na crença, mas essa é geral por todo o lado que "mordidela de licranço, 100 anos sem descanso". Eu já fui mordida, e estou aqui. Não, não é venenoso! E não acredita nunca, porque como ela toda a gente pensa que é venenoso, e o contra argumento dela é " oh Sofia, só tu dizes que não é venenoso". Sim, a minha licenciatura para ela é zero nestes casos.

As conversas quando tocam no tema cobras são de rir porque o argumento é sempre " mas eu vi" ou o melhor " a minha mãezinha não me mentia ". E, o que é que eu faço? É sorrir e acenar, porque simplesmentes não vale a pena explicar.

60908b79f8bc6ef67161fc26c51c6e58.jpg

 

Quem tem uma Avó Rosa?

 

Sinceramente,

Assinatura.png

 


BLOGGER
Sou a Sofia Gonçalves. 29 anos. Curiosa sem fim, exploradora de livros, advogada de boa comida, gestora de estados ansioliticos, caçadora de sonhos, escriba escrava da palavras da minha cabeça, pajem dos meus animais.

thedailymiacis@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


Some blog design Written by Joana

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Copyright © The Daily Miacis