Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Daily Miacis

A dieta do Marshmallow #3

a dieta de um marshmallow.png

(que tal as minhas paint skills? apeteceu me fazer um banner amador para estas crónicas)

 

Na sexta feira partilhei nas minhas insta stories um desabafo (ainda não seguem?). Fui às compras, porque queria uma culotes para o Verão. Comprei umas embora tenha sido dificil porque há imensas com riscas verticais. Para quem tem anca é horrivel, digo vos já senhores da moda, porque parecemos um Obélix. O desabafo foi que vim contente em parte porque me foquei. Vi tanta coisa que gostei mas só comprei o que precisava e bem em conta na Tifossi Outlet! E de tudo o que fui experimentando, levei o L (sim sempre usei o L até porque mesmo magra tenho as costas muito desenvolvidas por causa da natação) e serviu me mesmo nas pernas o que para mim é muito bom. Tive uma fase que mesmo o tamanho 42 já me ficava mal.

 

Contudo ainda sim desanimei. Primeiro vi me ao espelho com a roupa que tinha e vi as banhinhas a bailarem. Depois porque mesmo após o esforço que tenho feito por esta altura contava já ter perdido mais. Fico frustada e ir comprar roupa é um desses momentos, por isso não só porque tenho de poupar mas tenho evitado. Não vale a pena criar ansiedade por uma questão rídicula certo? E se estou assim, uma parte é à custa da ansiedade.

 

Mas a crónica de hoje era acerca de outro assunto.

 

Se há coisa que sou é educada. Não acredito nos signos, mas há uma coisa que sai sempre certo ( ou já somos influenciados por isso?) é que sou cordial, e tento agradar a gregos e troianos.Odeio conflitos e evito os sempre que posso, há quem diga que é ser um pouco cobarde mas odeio mesmo problemas. É uma das minhas causas de ansiedade desde que me conheço como pessoa. E por isso muitas vezes acabo por evitar pessoas. É que para além de tudo tenho um íman para atrair loucos. Loucura até trás alguma alegria mas quando passam essa fronteira para magoar e perturbar já não me agrada.

Mas isto tudo porquê? Re-educação aliementar é conseguir dizer que não irás comer  doces, é auto disciplina, porque o primeiro passo tem que ser sempre dado por nós. Mas no contexto social é diferente. Dizer que não posso comer isto, ou aquilo é terrível. Escolher um restaurante baseado na dieta, dizer que não a um bolo de aniversário. No meu trabalho volta e meia há doces ou bolos, que ou um cliente trás, ou um colega de trabalho. E embora saibam que faço cuidado na alimentação é chato estar sempre a dizer não, não e não. 

Como conciliam este tipo de coisas? É que de facto é algo que não consigo trabalhar bem, até porque quando há jantar fora geralmente é dia de festa ou uma coisa diferente e por isso acabo por querer outra coisa não tão dietética.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

A dieta do Marshmallow #2

29542011_2103011376393944_1981117935170617344_n.jp

Dizem as más boas linguás que precisamos de pelo menos um mês para notar diferença quando alteramos algo na nossa rotina relativamente ao nosso corpo: ou dormir mais, ou acordar mais cedo, ou alguma coisa na dieta ou no exercicio. Estamos quase no final de Março e não noto que tenha perdido um quilo com a dieta que estou a fazer. Ele é dieta Low Carb desde 1 de Janeiro, Low Sugar, Low qualquer coisa, quase 2l de água por dia. E nada. 

Assumi que seria a falta de exercicio intenso. Contudo devido ao problema que já comentei, em que fico acelarada se  faço exercício ao final do dia, andava a evitar ir ao ginásio, por medo mesmo. No dia 2 de Abril  faz um mês que comecei a ir ao meio dia, com um treino funcional. A balança diminuiu? Não, desconfio que que não sabe contar menos e encravou naquela contagem. Mas noto já uma ligeira diferença no corpo e na forma de estar. 

 

Começo a chegar ao ponto em que já não quero me preocupar muito, porque se penso muito no assunto desanimo. A verdade é que com a medicação da ansiedade a coisa não pode funcionar muito bem não é? Mesmo que o meu médico me diga para não arranjar bodes expiatórios. Ainda assim, estou animada que daqui a um mês se me portar bem, vou notar alguma diferença. Bem, com dieta ou não, o exercicio é necessário e a verdade é que preciso dele para as endorfinas. Por isso, tenho de por de lado um pouco a cama ou a poltrona, e mexer-me!

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

A dieta do Marshmallow

d677dee7015bde86cf1c496bc763dc7b.jpg

Janeiro foi um bom mês. Finalmente ingressei corretamente numa boa dieta baixa em carbohidratos. Eu já fazia isso mas Janeiro foi mais o mês dos ajustes: não houve um dia "não" a meio da semana, ou "um só hoje",  ou "não me preparei". Correu tudo direitinho a balança foi descendo mas depois lá subiu. No total perdi um quilo, embora que desde o Natal, tive por duas vezes com menos dois quilos. Mas tem dias que tenho mais um quilo, pesando me sempre à mesma hora. E não, não está relacionado com questões hormonais porque aumentei de uma dia para o outro um quilo e demorei uma semana e meia a voltar a perder um quilo completo.

 

É frustante porque não passo fome é verdade, mas tem dias que custa principalmente quando no trabalho nos assediam com bolos, ou em casa com um arroz branco daqueles como eu gosto. Para mim uma dieta muito mais que uma questão de estética, é preciso muita disciplina mental, porque temos que estar a desviar dos outros e de nós mesmo para não termos fraquezas.

 

O ginásio não correu tão bem como eu queria porque, me custa um pouco. Para além de me custar manter o ritmo, não quero ficar muito acelarada para não perder o sono. Então tenho que arranjar um bom equilibrio.

 

Gostaria de dizer que estava a ficar boa como o milho, mas ainda me falta muito, ainda estou na operação marshmallow: branca e gordinha. 

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

 

RESUMO JANEIRO

Alfabeto literário.png

 

Janeiro, trouxeste contigo aquilo que eu andava a querer desde o Verão passado. Finalmente as obras acabaram. Agora já só falta deixar o pó pousar e descansar porque preciso. (quanto é que falta para férias?).

 

Não foste um mês fácil, mas vai daí que nenhum mês o é, nem o Agosto. Fiquei doente graças à vacina da gripe, vi que o meu acne, depois de tudo despistado era só mesmo acne, e portanto estamos a tratar disso agora. A minha força de vontade no que toca à dieta está ferrea. Só é pena a balança não ajudar a dar mais optimismo... A minha carteira ficou mesmo vazia este mês mas tenho um ano para encher.Trouxeste esperança e novas expectativas, e que espero conseguir alcança-las este ano. Vontade não me falta, algumas já entraram em acção, faltam as restantes. E, o melhor de tudo, foi neste tempo final a vontade que me voltou a dar para: pintar. Sim pintar.

 

Comprar móveis e decorar o escritório - Finalmente! Esta meta está por aqui há muito tempo. Estou de rastos bem como a minha carteira, mas está a ficar ao meu jeito.

27605072_2037572269604522_2093739879_o.jpg

Informar-me acerca de tratamentos dermatológicos para o acne - Informei-me mas depois de ter visto que eram um algo agressivo para a cara (e a carteira já tão gasta dela) resolvi mesmo deixar me de coisas, e ir ao dermatologista. Chegamos à conclusão que era mesmo idiopático, e que é normal aos 30 anos as mulheres terem uma crise de acne, mantendo-se entre 5 a 10% delas. Espero não ficar nessa percentagem.

Começar o projeto 365 dias com Poirot e Marple - Sim, e tem corrido às mil maravilhas. Estava com medo de não conseguir manter o ritmo, muito mais com as obras, mas são livros facéis de ler, e rápido. Adoro ler Poirot, aquela maneira extravagante dele encanta-me. Participem também, são boas leituras, com inicio e fim evidentes, acabamos por ficar sempre na dúvida até que no final fica tudo resolvido, todos os pequenos pormenores. É quase como contos, por assim dizer

Re-começar a dieta alimentar para pelo menos não ficar um marshmallow andante - Nada como o inicio do ano para começarmos com o impulso todo. E tenho comido mesmo mesmo. Low carb, não tenho tido deslizes durante a semana  do género só-hoje-que-correu-mal-o-dia. A balança no inicio desceu mas agora já nem tanto. Depois falarei disso.

Acabar a colecção de selos  do Continente para os peluches Star Wars - Já tenho para quase todos. A ver se tenho um a mais para dar ao Chewie.

Se houver neve perto, dar um pulo - Foi o único que não fiz até porque penso que aqui perto não nevou. Que tenha visto não nevou em Castro Laboreiro.

 

A MANIA DAS MANIAS EM JANEIRO: E este fim de semana já vai dar para arrumar'

 

MÚSICA SEM PARA NO YOUTUBE:"Zombie" The Cranberries

 

O QUE ESQUECIA DE JANEIRO: o quão longo este mês consegue ser.

 

O QUE MAIS ME EMPOLGA EM FEVEREIRO: posso dizer o feriado? é que preciso mesmo dele.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

 

 


BLOGGER
Sou a Sofia Gonçalves. 29 anos. Curiosa sem fim, exploradora de livros, advogada de boa comida, gestora de estados ansioliticos, caçadora de sonhos, escriba escrava da palavras da minha cabeça, pajem dos meus animais.

thedailymiacis@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


Some blog design Written by Joana

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Copyright © The Daily Miacis