Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Daily Miacis

Sorvete de Melancia

 

37357224_2262804547081292_6061618057879486464_n.jp

 

Ah o tempo quente!

Ou pelo menos era suposto estar assim tórrido certo? Este ano a coisa não está fácil. Mas a vontade está cá dentro e de uma forma ou de outra tentamos fazer a normalidade. Ou pelo menos compensar a gula, neste caso.

 

Mesmo depois da volta ao sistema digestivo que tive no ano passado nas férias, adoro gelados, com preferência sempre para os artesanais. Por isso não é de estranhar que eu tente fazer umas versões em casa, sempre na tendência mais saudável, para não ficar com a consciência tao pesada. 

 

A ver a revista do do Lidl, à procura de receitas para o dia a dia como comentei neste post, encontrei este sorvete de melancia, tão simples, tão fácil, tão sumarento e tão gostoso. Tem os sabores do verão aqui dentro e é a coisa mais fresca e mais fácil de comer. Experimentem mesmo que não tenham os moldes, podem usar copinos de iogurtes e paus para fazer por exemplo. 

 

Ingredientes:

  • 1 kg de melancia limpa e sem pevides
  • 3 colheres de sopa de sumo de limão
  • 3 folhas de hortelã

Cortar a melancia em bocados, colocar no liquidificador em cojuntos com os restantes ingredientes. Misturar e txan-txan! É só colocar nos moldes, congelar e está. Eu coloquei logo os paus, mas no caso de não terem moldes e usarem os paus, devem colocar primeiro o local onde está o gelado e só quando está um pouco mais sólido é que devem colocar o pau.

 

Não é fácil? E o sabor compensa!

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

 

 

INSPIRATION // Céus e Estrelas

Há uma frase que gravei na minha mente do filme "Stardust", e que perco minutos da minha vida a disserta la, principalmente depois de ouvir a música "Human" dos The Killers.

 

"Are we humans because we gaze at the stars? Or do we gaze at them, because we are humans?"

 

É um daquelas questões que nunca vão ter resposta como quem nasceu primeiro o ovo ou a galinha (embora, que em termos evolutivos, o ovo aparece primeiro que a galinha). Mas que não deixa de ter o seu quê, porque é que nós humanos desde sempre nos fixamos nos céus? Porque já fizemos dos céus os mestres dos nossos destinos e ainda fazemos, com a astrologia. E previamos desastres através de cometas e estrelas cadentes? Porque é que os céus  são o mensageiros de muitas histórias de amor, e a Lua já foi a testemunha de muitas despedidas?

 

Como qualquer bom humano, sempre gostei de céus estrelados. Tenho pena de viver na cidade e a poluição visual não permitir ver o céu nú, como ele é na verdade. Tendo o seu mínimamente limpo, sou capaz de ficar deitada a olhar para as estrelas, e só admirar, calar as vozes todas da minha cabeça. E sim, conto estrelas e não me nascem cravos! Por isso na minha adolescência enchi o meu tecto daquelas estrelas que colam à parede e brilham no escuro. E cheguei a ter uma lua! Mas essa tirei, fazia demasiado luz para o meu gosto.

 

Por isso, não seria de esperar, que no meu pinterest tenho algumas ideias e trabalhos com estrelas, principalmente depois de há uns anos atrás ter a ideia de bordar um mapa estelar numa manta. Ainda não esqueci esse trabalho, o meu problema está na preguiça em escolher o mapa estelar do hemisfério norte e fazer a escala para o tamanho da minha manta. No entanto andava a ver umas ideias com constelações e dourados (devo ter sido um corvo noutra vida porque tudo que é brilhante atrai-me) e encontrei umas ideias bem engraçadas. Penso que vou fazer alguns cá por casa, depois da manta claro. Acho que até vou fazer umas almofadas para o canto de leitura, que acham? Mas só depois de fazer os meus quadros bordados com cenas de filmes que gosto. Um deles porque acaso é com estrelas, "Interstellar", ainda não escolhi foi o motivo que vou colocar no bordado.

 

84f931036e0dae47b13616eda89c5800.jpg

Link

3732feda1527da1c877fd2c3633fcb9a.jpg

 Link

6086a154b06e2dc69c1dd85e02b7467e.jpg

 Link

951523b1658b3ea80a7bd68141191443.jpg

 Link

2334042c1cfb74926d72a8675efc522e.jpg

 Link

3111461fdf38f159e267bfa4f12b2f9a.jpg

Link

 

E depois de isto tudo, fiquei com vontade de pintar um céu no meu canto de leitura, assim nuns tons pasteis e aguarelentos. Ai que acho que já  tenho projeto para as férias!

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

Papas de aveia com banana e manteiga de amendoim no forno

29342356_2099017046793377_1020115399213056000_o.jp

 Ultimamente tenho sido bombardeada com receitas de papas de aveia no forno. É verdade que o cruzamento de dados que existe agora em todo o lado ajuda, mas entre o meu blogue favorito de comidas Casal Mistério, as instastories da Claudia, a minha mãe e o facebook, acabei por ter que fazer uma receita minha. Domingo foi o dia escolhido e foi perfeito. Se há comida de conforto, para mim é esta. Dá me aquela sensação de aconchego quando chega ao estômago, de satisfação. 

Nunca tinha feito por uma simples razão: não gosto de re-aquecer papas de aveia. Contudo com a preparação desta papa de aveia, penso que ao re-aquecer o sabor já não será o mesmo das papas de aveia normais feitas na panela. 

É incrivelmente fácil de fazer, a cozinha fica inundada com um cheirinho tão bom, e é uma solução saudável. É pequeno almoço caseiro que já está feito adiantado, se queremos um lanche mais composto e docinho é uma óptima solução.

 

A receita que serviu de inspiração foi daqui, a mesma que o Casal Mistério publicou, mas com algumas alterações minhas. 

 

Ingredientes:

- 2 chávenas de aveia

- 1 chávena de bebida de côco

- 2 bananas maduras (uma para esmagar outra para cortar em rodelas)

- 1 ovo grande

- 2 colheres de sopa de manteiga de amendoim (o mais natural possível)

- 1 colher de chá de stevia liquida com sabor a baunilha

- 1 colher de chá de canela 

- 1 colher de chá de fermento

- 1/2 colher de chá de sal

- Xarope de acer

- Óleo de coco

 

  1. O primeiro passo é preparação do forno e da aveia.  Pré aquecer o forno a 190ºC e colocar os 2 copos de aveia num jarro com água a demolhar para retirar os fitatos (embora que aqui vá cozinhar no forno).
  2. Numa tigela misture os elementos liquidos: a bebida vegetal, o ovo, a manteiga de amendoim, a stevia e a banana esmagada. Misture tudo bem.
  3. Depois acrescente os elementos secos: a aveia demolhada (retire com uma colher de peneirar ou retirem a água com um coador), a canela, o fermento, e o sal.
  4. À parte corte às rodelas da banana que sobra, e numa frigideira com óleo de coco e uma pitada xarope de acer, aqueça as bananas até caramelizarem.
  5.  Vire a mistura de aveia numa travessa de ir ao forno previamente untada com óleo de coco. Deite por cima as rodelas de banana caramelizada, e leve ao forno por 30 minutos.

Eu optei pela bebida de coco pela conjungação de sabores, mas podem usar do que quiserem. É saboroso e aconselho vivamente a experimentarem.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

Home Improvement - Canto de Leitura

Durante estes últimos meses sempre que falava de obras sentia me no papel do Tim Allen no Home Improvement: posso vos dar uma aulas acerca de cimento, pladur, aquecimentos, etc, etc. Mas teve dias que me sentia como o vizinho louco dessa série: sentia que estava a coscuvilhar a casa alheia, pois não me sentia na minha casa nem via aquilo a ficar como eu pretendia. A coisa correu pelo melhor, e não, não ficou como eu imaginava mas o resultado final não foi mau, pelo contrário, foi muito bom.

Obras tem disto e quando o objeto base não tem das melhores qualidades, a surpresas multiplicam-se por mil. Mas nada que uma cabeça fria, prática e muita, muita paciência resolva. E claro, dinheiro porque neste mundo não vivemos sem isso.

 

Uma das partes que eu mais queria era o escritório, porque estava farta de ter as coisas todas atafulhadas lá em baixo, sem organização sem espaço. É verdade que pelo caminho destralhei várias coisas, das minhas e do local onde está agora o escritório. Sabem aquela secção da casa que durante gerações das vossa família serviu para acumular tudo aquilo com que não queriamos lidar? Pois, imaginem todo um andar disso, desde o tempo que a casa foi construida. Limpar foi uma obra, remodelar foi outra obra, e mobilar está em andamento (não nos esqueçamos da crise do sofá).

 

Ainda assim, estou contente e orgulhosa porque a minha ideia era fazer uma parede triangular toda cheia de prateleiras para encher com livros. Contudo com o pladur não deu. No momento em que conclui isso fiquei triste porque não conseguia calcular muitas soluções para aquele espaço em que não sobrasse espaço vazio em que não caberiam móveis. E pensava eu na altura que os meus livros não iam cabar na solução que eu tinha em mente. Sorte a minha ter resolvido, na dúvida encher o escritório com Kallax de 4x2, porque ficaram uma maravilha, e afinal não tenho assim tantos livros. Estou chocada, tive alguns anos de contenção por falta de espaço e aparentemente não tenho tantos quanto eu bradava e o meu namorado se queixava (também já teve a deixa que afinal preciso de mais livros pois não tenho muitos). E para finalizar, as minhas horas dispendidas no pinterest deram fruto num canto de leitura, com alguma decoração, nada de muito fancy, clean e na moda. 

 

27605491_2037572306271185_1320988582_o.jpg

 

27651185_2037572419604507_491308893_o.jpg

27650365_2037572369604512_683095147_o.jpg

 

P.S.: Aquele boneco do Totoro não é bue da fofo?

 Tenho mais uma estante que está a ser decorada, e nessa tenho a minha colectânea dos Astérix. No entanto, não vou conseguir expor a minha colecção de livros da Disney. Esses são mesmo muitos, duas caixas do Ikea, e não estou a ver local para os colocar. Penso que terão de continuar sem ver a luz do dia.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 


BLOGGER
Sou a Sofia Gonçalves. 29 anos. Curiosa sem fim, exploradora de livros, advogada de boa comida, gestora de estados ansioliticos, caçadora de sonhos, escriba escrava da palavras da minha cabeça, pajem dos meus animais.

thedailymiacis@gmail.com

@thedailymiacis

Mais sobre mim

foto do autor


BLOG ON FACEBOOK
Clube Companhia da Tinta's currently-reading book montage
Clube Companhia da Tinta 25 members
As várias vidas que vivemos pelos livros que lemos, é o que nos leva a participar neste clube. Ler bem e bem ler. Blog: https://companhiadatinta.blogs.sapo.pt/ Grupo Facebook: https://www.facebook.com/groups/1183466295088711/?source=create_flow

Books we're currently reading

A Senhora da Magia A Senhora da Magia
by Marion Zimmer Bradley
Start date: March 1, 2018

1984 1984
by George Orwell
Start date: March 1, 2018



View this group on Goodreads »

Some blog design Written by Joana

Copyright © The Daily Miacis