Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Daily Miacis

Tête a tête com as mágoas

 

Para quem não sabe, iniciei me no mundo da acunpuntura. Já tenho duas sessões feitas e umas micro agulhas nas orelhas. Confesso que ainda fico nervosa, porque aquela coisa de estar cheia  de agulhas deixa me um pouco estranha e não, não tenho pânico a agulhas. Notei diferença? Ainda é cedo para dizer, a ideia deste tratamento é ajudar me nesta altura de desmame e relaxar a longo prazo. Ajudar me a ser independente.

 

Na segunda sessão passou se algo fora do normal. Quando me colocou as agulhas na perna direita doeu me bastante, e no final da sessão continuava a doer. Depois de conversar, fiquei a saber que segundo a filosofia oriental, quando guardamos mágoas no corpo, a energia concentra-se na barriga das pernas e nas omoplatas. Coincidência ou não são dois dos pontos que eu tenho mais problemas musculares: tenho contraturas infinitas na omoplata e imensas caimbras nos pés. 

 

Colocando os pontos nos "is": eu não acredito em nenhuma  religião per se. Cheguei a pensar uma altura que era Budista mas sei que não sou pois também tem pontos na sua religião com os quais não concordo. A religião existe porque nós humanos precisamos de acreditar em algo superior a nós, algo que nos dá fé e esperança, e que explique aquilo que não conseguimos explicar. Eu também não acredito muitos nas filosofias das energias porque há coisas que eu, como pessoa da área da ciência, não consigo ouvir e pensar na forma deles, eu simplesmente quebro aquilo nos átomos e nas formulas, e penso de uma forma crtiica. Mas há coisas que acredito que não conseguimos explicar, acredito que a energia flui sim porque nós somos energia, acredito que existe algo superior a nós que não conseguimos explicar e que deve se manter assim, porque há coisas que não precisamos de entender, é demais para compreendermos, quando nós complicamos o quão simplificados que nós somos. 

 

Mas, ao falar das mágoas, não deixei de pensar que até não era de todo errado porque mágoas já as colho há muitos anos. E quando comecei a pensar nas razões das mágoas, naquelas que fui guardando nas pernas e nas costas, comecei a pensar aos anos que tenho isto guardado. Ao tempo que caminho de costas curvadas com isto. Sim mandei para as costas, virei lhes a cara mas elas continuam lá, escondidas na sombra. E pensei para mim, eu tenho que ter um tête a tête com as mágoas, tenho que as alinhar, sentar, falar com elas e dizer que isto não pode continuar, que não somos felizes assim e que temos de partir cada uma para o seu lado.

 

A aprendizagem é aquela cicatriz que fica de uma experiência, que mostram a nossa história, mas quando fica a mágoa, é como uma farpa que fica ali no meio da cicatriz, e que nunca mais deixa a cicatriz curar por completo.

 

Por isso vou me sentar e falar com as minhas mágoas. Porque tenho de ser feliz e tenho de continuar em frente.

 

E quero ser mais leve.

 

Sinceramente,

20099812_ua1Qu.png

 

18 comentários

Comentar post


BLOGGER
Sou a Sofia Gonçalves. 29 anos. Curiosa sem fim, exploradora de livros, advogada de boa comida, gestora de estados ansioliticos, caçadora de sonhos, escriba escrava da palavras da minha cabeça, pajem dos meus animais.

thedailymiacis@gmail.com

@thedailymiacis

Mais sobre mim

foto do autor


BLOG ON FACEBOOK
Clube Companhia da Tinta's currently-reading book montage
Clube Companhia da Tinta 25 members
As várias vidas que vivemos pelos livros que lemos, é o que nos leva a participar neste clube. Ler bem e bem ler. Blog: https://companhiadatinta.blogs.sapo.pt/ Grupo Facebook: https://www.facebook.com/groups/1183466295088711/?source=create_flow

Books we're currently reading

A Senhora da Magia A Senhora da Magia
by Marion Zimmer Bradley
Start date: March 1, 2018

1984 1984
by George Orwell
Start date: March 1, 2018



View this group on Goodreads »

Some blog design Written by Joana

Copyright © The Daily Miacis